Revista de Economia e Sociologia Rural
https://www.revistasober.org/article/doi/10.1590/1806-9479.2023.281936
Revista de Economia e Sociologia Rural
ARTIGO ORIGINAL

Insegurança alimentar, pobreza e distribuição de renda no Brasil

Food insecurity, poverty and income distribution in Brazil

Josimar Gonçalves de Jesus; Rodolfo Hoffmann; Sílvia Helena Galvão de Miranda

Downloads: 0
Views: 185

Resumo

Este estudo analisa a relação entre distribuição de renda, pobreza e insegurança alimentar no Brasil, a partir dos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios de 2004, 2009 e 2013 e da Pesquisa de Orçamentos Familiares de 2017-2018. Nessas quatro edições, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas levantou, em nível nacional, informações sobre insegurança alimentar, por meio da aplicação da Escala Brasileira de Insegurança Alimentar (EBIA). Dada a sua importância, uma seção inicial é dedicada a discutir o próprio conceito de segurança alimentar. Os resultados mostram que a dinâmica da distribuição da renda é o condicionante fundamental da dinâmica da insegurança alimentar no País. As análises de regressão evidenciam que a insegurança alimentar medida pela EBIA, nos diferentes níveis, está fortemente relacionada com a pobreza. Ademais, os resultados também sugerem que o forte crescimento da insegurança alimentar, particularmente da insegurança alimentar leve e, com menos intensidade, da moderada, de 2013 a 2017-2018, se deve, em parte, ao caráter parcialmente subjetivo da medida de insegurança alimentar construída a partir da EBIA, estando associado à desilusão com a piora das condições econômicas que se seguiu após um longo período (2003-2014) de melhoria das condições de vida da população brasileira.

Palavras-chave

distribuição de renda, pobreza, insegurança alimentar, Brasil

Abstract

Abstract: This study analyses the relationship between income distribution, poverty, and food insecurity in Brazil, using data from the 2004, 2009 and 2013 National Household Sample Surveys (PNAD), and the 2017-2018 Household Budget Survey (POF). In these four surveys, the Brazilian Institute of Geography and Statistics (IBGE) collected information on food insecurity, at the national level, by applying the Brazilian Scale of Food Insecurity (EBIA). Given its importance, an initial section is devoted to discussing the very concept of food security. It is verified that the dynamics of income distribution is the fundamental conditioning factor of the dynamics of food insecurity in the country. Regression analyses show that food insecurity measured by EBIA, at different levels, is strongly related to poverty. In addition, the results also suggest that the strong growth of food insecurity, particularly the mild and, with less intensity, the moderate food insecurity, from 2013 to 2017-2018, is due, in part, to the partially subjective character of the measure of food insecurity constructed from the EBIA, being associated with the disillusionment due to the worsening of economic conditions after a long period (2003-2014) of improving living conditions for the Brazilian population.

Keywords

income distribution, poverty, food insecurity, Brazil

Referências

Barbosa, R. J., & Souza, P. H. G. F., & Soares, S. S. D. (2020). Distribuição de renda nos anos 2010: uma década perdida para desigualdade e pobreza (Texto para Discussão, No. 2610). Brasília: IPEA.

Barros, R. P., Carvalho, M., Franco, S., & Mendonça, R. (2009). Determinantes da queda na desigualdade de renda no Brasil (Texto para Discussão, No. 249, 52 p.). Niterói: UFF.

Barros, R. P., Foguel, M. N., & Ulyssea, G. (2007). Desigualdade de renda no Brasil: uma análise da queda recente (Vol. 1). Brasília: IPEA.

Barros, R. P., Foguel, M. N., & Ulyssea, G. (2008). Desigualdade de renda no Brasil: uma análise da queda recente (Vol. 2). Brasília: IPEA.

Berry, E. M., Dernini, S., Burlingame, B., Meybeck, A., & Conforti, P. (2015). Food security and sustainability: can one exist without the other? Public Health Nutrition, 18(13), 2293-2302.

Bezerra, T. A., Olinda, R. A., & Pedraza, D. F. (2017). Insegurança alimentar no Brasil segundo diferentes cenários sociodemográficos. Ciência & Saúde Coletiva, 22, 637-651.

Brasil. (2006, setembro 18). Lei nº 11.346, de 15 de setembro de 2006. Cria o Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional - SISAN com vistas em assegurar o direito humano à alimentação adequada e dá outras providências. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília.

Cabral, C. S., Lopes, A. G., Lopes, J. M., & Vianna, R. P. (2014). Segurança alimentar, renda e Programa Bolsa Família: estudo de coorte em municípios do interior da Paraíba, Brasil, 2005-2011. Cadernos de Saúde Pública, 30(2), 393-402.

Chancel, L., Piketty, T., Saez, E., & Zucman, G. (2022). World Inequality Report 2022. Paris: World Inequality Lab.

Corseuil, C.H. e Foguel, M.N. (2002). Uma sugestão de deflatores para rendas obtidas a partir de algumas pesquisas domiciliares do IBGE (Texto para Discussão, No. 897). Brasília: IPEA.

Cunha, G. R. (2000). Borlaug errou. In G. R. Cunha (Ed.), Trigo no Brasil: rumo ao século XXI (194 p.). Passo Fundo: Embrapa Trigo.

Devereux, S. (2007) Sen’s entitlement approach: critiques and counter-critiques. In S. Devereux (Ed.), The new famines: why famines persist in an era of globalization (pp. 66-89). New York: Taylor & Francis.

Food and Agriculture Organization of the United Nations - FAO. (1996). Rome Declaration on World Food Security and World Food Summit Plan of Action. Rome: FAO.

Food and Agriculture Organization of the United Nations - FAO. (2002). The state of food insecurity in the World 2001. Rome: FAO.

Food and Agriculture Organization of the United Nations - FAO. (2003). Food security: concepts and measurement. In Food and Agriculture Organization of the United Nations - FAO (Ed.), Trade reforms and food security: conceptualizing the linkages (pp. 25-34). Rome: FAO.

Food and Agriculture Organization of the United Nations - FAO. (2018). Food insecurity experience scale: survey modules. Rome: FAO. Recuperado em 2 de fevereiro de 2024, de https://www.fao.org/3/bl404e/bl404e.pdf

Food and Agriculture Organization of the United Nations - FAO. (2019). The state of food security and nutrition in the world 2019: safeguarding against economic slowdowns and downturns. Rome: FAO.

Hoffmann, R. (1995). Pobreza, insegurança alimentar e desnutrição no Brasil. Estudos Avançados, 9(24), 159-172.

Hoffmann, R. (2008). Determinantes da insegurança alimentar no Brasil: análise dos dados da PNAD de 2004. Segurança Alimentar e Nutricional, 15(1), 49-61.

Hoffmann, R. (2009). Desigualdade de distribuição de renda no Brasil: a contribuição de aposentadorias e pensões e de outras parcelas do rendimento domiciliar per capita. Economia e Sociedade, 18(1), 213-231.

Hoffmann, R. (2013). Determinantes da insegurança alimentar no Brasil em 2004 e 2009. Segurança Alimentar e Nutricional, 20(2), 219-235.

Hoffmann, R. (2014a). Brasil, 2013: mais segurança alimentar. Segurança Alimentar e Nutricional, 21(2), 422-438.

Hoffmann, R. (2014b). Fatos relevantes sobre a distribuição da renda no Brasil. In Anais do 52º Congresso da SOBER (pp. 1110-1131). Goiânia: SOBER.

Hoffmann, R. (2020a). Desigualdade de renda no Brasil, 1995 a 2019: diversas distribuições e o impacto do desemprego. Revista Brasileira de Economia Social e do Trabalho, 2, 1-27.

Hoffmann, R. (2020b). Distribuição da renda domiciliar per capita no Brasil, 2012 a 2019 e 1995 a 2015 (Texto para Discussão, No. 59). Rio de Janeiro: IEPE/Casa das Garças.

Hoffmann, R. (2021). Insegurança alimentar no Brasil após crise, sua evolução de 2004 a 2017-2018 e comparação com a variação da pobreza. Segurança Alimentar e Nutricional, 28, 1-17.

Hoffmann, R., & Jesus, J. G. (2021a). Como o consumo domiciliar de alimentos específicos varia com a renda, Brasil, 2017-2018. Segurança Alimentar e Nutricional, 28, e021030.

Hoffmann, R., & Jesus, J. G. (2021b) A contribuição de onze parcelas para a desigualdade da distribuição da renda domiciliar per capita no Brasil e a relevância do auxílio emergencial na redução da desigualdade em 2020 (Texto para Discussão, No. 69). Rio de Janeiro: IEPE/Casa das Garças.

Hoffmann, R., Jesus, J. G., & Almeida, S. S. P. (2018). A distribuição da renda no Brasil conforme a PNAD: 1995-2017 (Texto para Discussão, No. 45). Rio de Janeiro: IEPE/Casa das Garças.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE. (2006). Segurança alimentar 2004. Rio de Janeiro: IBGE.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE. (2010). Segurança alimentar 2004/2009. Rio de Janeiro: IBGE.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE. (2014). Segurança alimentar 2013. Rio de Janeiro: IBGE.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE. (2019). Pesquisa de orçamentos familiares 2017-2018: primeiros resultados (69 p). Rio de Janeiro: Coordenação de Trabalho e Rendimento, IBGE.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE. (2020). Pesquisa de orçamentos familiares 2017-2018: análise da segurança alimentar no Brasil (65 p). Rio de Janeiro: Coordenação de Trabalho e Rendimento, IBGE.

Jesus, J. G. (2020). Negros em movimento: migração e desigualdade racial no Brasil (Tese de doutorado). Departamento de Economia, Sociologia e Administração, Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”, Universidade de São Paulo, Piracicaba.

Maluf, R., & Menezes, F. (2000). Caderno segurança alimentar. In Conferências do Fórum Social Mundial. Porto Alegre.

Maxwell, S. (1996). Food security: a post-modern perspective. Food Policy, 21(2), 155-170.

Palmeira, P., Salles-Costa, R., & Pérez-Escamilla, R. (2019). Effects of family income and conditional cash transfers on household food insecurity: Evidence from a longitudinal study in Northeast Brazil. Public Health Nutrition, 23(4), 756-767.

Panigassi, G., Segall-Corrêa, A. M., Marin-León, L., Pérez-Escamilla, R., Sampaio, Mde. F., & Maranha, L. K. (2008). Insegurança alimentar como indicador de iniquidade: análise de inquérito populacional. Cadernos de Saúde Pública, 24(10), 2376-2384.

Peng, W., & Berry, E. M. (2019). The concept of food security. In P. Ferranti, E. M. Berry & J. R. Anderson (Eds.), Encyclopedia of food security and sustainability (Vol. 2, pp. 1-7). Oxford: Elsevier.

Pérez-Escamilla, R., & Segall-Corrêa, A. M. (2008). Indicadores e medidas de insegurança alimentar. Revista de Nutrição, 21(Supl.), 15s-26s.

Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar - Rede PENSSAN. (2022). II Inquérito Nacional sobre Insegurança Alimentar no Contexto da Pandemia da COVID-19 no Brasil (II VIGISAN): relatório final. São Paulo: Fundação Friedrich Ebert, Rede PENSSAN.

Rocha, S. (2012). O declínio sustentado da desigualdade de renda no Brasil (1997-2009). Revista EconomiA, 13(3), 629-645.

Rocha, S. (2013). Pobreza no Brasil: a evolução de longo prazo (1970-2011) (Estudos e Pesquisas, No. 492, 52 p.). Rio de Janeiro: BNDES.

Rocha, S. (2019). Poverty upsurge in 2015 and the rising trend in regional and age inequality among the poor in Brazil. Nova Economia, 29(1), 249-275.

Segall-Corrêa, A. M., Marin-Leon, L., Helito, H., Pérez-Escamilla, R., Santos, L. M. P., & Paes-Sousa, R. (2008). Transferência de renda e segurança alimentar no Brasil: análise dos dados nacionai. Revista de Nutrição, 21, 39-51.

Segall-Corrêa, A. M., & Marin-Leon, L. (2009). A segurança alimentar no Brasil: proposição e usos da escala brasileira de medida da insegurança alimentar (EBIA) de 2003 a 2009. Segurança Alimentar e Nutricional, 16(2), 1-19.

Sen, A. (1981). Poverty and famines: an essay on entitlement and deprivation. Oxford: Clarendon Press.

Silva, S. P. (2014). A trajetória histórica da segurança alimentar e nutricional na agenda política nacional: projetos, descontinuidades e consolidação (Texto para Discussão, No. 1953). Brasília: IPEA.

Soares, S. S. D. (2006). Distribuição de renda no Brasil de 1976 a 2004 com ênfase no período entre 2001 e 2004 (Texto para Discussão, No. 1166, 29 p.). Brasília: IPEA.

Soares, S. S. D. (2010). Distribuição de renda entre 1995 e 2009 (Comunicado, No. 63, 21 p.). Brasília: IPEA.

Valdes, A. (1981). Food security for developing countries (374 p.). Boulder: Westview Press.

Vianna, R. T., & Segall-Corrêa, A. M. (2008). (In)segurança alimentar das famílias residentes em municípios do interior do estado da Paraíba. Revista de Nutrição, 21, 111-122.

World Bank. (1986). Poverty and hunger: issues and options for food security in developing countries. Washington, DC.
 


Submetido em:
03/01/2024

Aceito em:
14/02/2024

662115cca953951ecc25eee6 resr Articles
Links & Downloads

resr

Share this page
Page Sections